14.12.06

Presente de Natal....

Eu não sei se é mesmo verdade, se foi mesmo votado e o que vai acontecer. A notícia que os parlamentares dobraram seus salários é difícil de acreditar e pode mesmo se tornar realidade. O aumento será de 90,7% mudando o valor de R$ 12,847,20 para R$ 24.500.
Como uma ação deste tipo pode acontecer em um país que precisa crescer, engrenar no mercado, dividir renda e investir na educação, meio ambiente e no social. Eu sinto repúdio destes parlamentares, e mais raiva ainda da população apática que aceita e assina embaixo nestas situações. O que mais pode acontecer nesta democracia frágil, que mais parece um coronelismo de cabresto, como demonstrado nas últimas eleições. Eu pensei que a eleição de artistas engraçados, perobas, sanguessugas e mensaleiros fosse o fundo do poço, mas estamos longe disto.
Enquanto a elite brasileira não for mais carismática e bondosa, deixando pelo menos o resto que sobra do dinheiro para população em geral, nosso país não mudará de situação. Serão novos PCCs, Sem-Terras e pobreza em geral "atrapalhando" o andamento deste "país que cresce" (como diz o Lula, apesar do PIB igual do Haiti).
Culpar também grupos oprimidos e a legislação ambiental de atrapalhar o desevolvimento do país é de brutal ignorância nos dias de hoje e só mostra a verdadeiro analfabetismo político brasileiro, que é pragmático, desenvolvimentista e propagandístico (isto mesmo lembra a ditadura, bem lembrado).
Quando dizemos que a legislação ambiental brasileira é uma das melhores do mundo, não estamos totalmente errados, erramos somente em achar que ela funciona, talvez funcionasse na Europa ou sei lá aonde. Mas agora estou tranquilo, com este aumento os parlamentares irão trabalhar com mais vontade e com certeza irão pensar em projeto bem futuro distante de melhoria de renda dos mais necessitados.

3 comentários:

João Carlos disse...

Revoltante, não é?!... E - depois de confirmada a notícia - o pulha do Aldo Rebelo (PCdoB, imagine só!...) saiu-se com a desculpa de que os recursos iam ser obtidos a partir de cortes nos gastos do Legislativo, tais como reformas de apartmentos funcionais e construção de anexos... Ou seja, vão deixar de gerar (e manter) Patrimônio da Nação e embolsar a grana...

Se esse país fosse sério e tivesse um Poder Moderador, era hora de dissolver o Congresso (logo após tornar esse papelucho insubsistente), anular as eleições de outubro e convocar novas.

Foi bom você lembrar... Vou aproveitar o ensejo e mandar um email para o Aldo Rebelo.

Keila, a Loba disse...

Há algo de animador em toda essa história: o povo brasileiro foi às ruas e protestou, e assim está sendo possível saber que ainda ha sangue correndo nas nossas veias.

Pois é, nem tudo está perdido, meu caro. E se fosse possível escolher um bom e inesquecívewl presente de natal, escolheria aumento 0% para esses caras e coroas.

BeijUivoooooooooosssssssss da Loba

Waquim disse...

É uma vergonha mesmo.
Abraços.